Grêmio Floresta, campeão municipal de Videira, em 2005

Da Seletiva, para a 2ª Divisão, e o título da elite do futebol videirense


Grêmio Esportivo Floresta e Sociedade Esportiva Colorado decidiram o título da elite do futebol videirense, na temporada 2005. O jogo que decidiu o campeão do Municipal de Futebol de Videira, aconteceu no dia 13 de novembro de 2005, no Estádio Municipal Luiz Leoni.

O Grêmio Esportivo Floresta venceu o poderoso Colorado por 4 a 0 no placar agregado, e levantou a inédita taça de campeão.

Em pé da esquerda para direita: Pipoca, Dr. Marcelo, Maicon Bianchin, Cristiano Costa (Costinha), Delmir, Rato, Gena, Vinicius Ribeiro, André Sislaghi, Fabinho, Cleiton, Juca, Rafael Peretti e Alessandro Canever.

Agachados: Narci Pascoali, Giva, Alexandre, Diego Boca, Bodinho (in memorian), Beto Sabão, Marcelo, Ede Couto, Juliano, Marquinhos, Paulinho, Dr. Almir. Ainda fazia parte da equipe: Dr. Amarildo, Baú e Tessari.

Além do título, a equipe teve o goleiro menos vazado da competição, Alexandre Mellere (na primeira fase, sofreu 6 gols, em nove partidas). O técnico da equipe era Altair, o Pipoca.

DA SELETIVA PARA O TÍTULO DA 1ª DIVISÃO

A trajetória do Grêmio Floresta foi bem curiosa e vitoriosa. Em 2003, participou do Torneio Seletivo, sendo campeão de forma invicta (com apenas jogadores jovens, uma gurizada na verdade). A Seletiva garantiu direito de participar da 2ª Divisão, onde a equipe sagrou-se campeã, também de forma invicta.

Em 2004, já na elite do futebol videirense, a equipe terminou a competição na 3ª colocação, perdendo na semifinal para o Colorado, que foi o grande campeão daquele ano.

Em 2005, com alguns reforços e com um elenco unido em busca do objetivo, o Grêmio Floresta chegou ao tão sonhado título da 1ª Divisão do Futebol de Videira.

Após o apito final, jogadores comemoram o título, da temporada 2005

  • As semifinais de 2005 foram: Colorado (1º) x Vitória (4º); Transilva (2º) x Floresta (3º)
  • O Colorado venceu o Vitória no placar agregado por 6 a 2 (empate em 1 a 1 no primeiro jogo e vitória por 5 a 1, no jogo 2).
  • A melhor campanha da primeira fase havia sido do Colorado (seis vitórias, 1 empate, uma derrota e um jogo anulado);
  • Rato, Beto Sabão e Gena, no ano anterior (2004), haviam sido campeões com o Colorado.
  • Mineiro, meio campista do Colorado, foi eleito o melhor jogador do Campeonato daquele ano.
Colorado havia sido campeão municipal, em 2004

2005: Floresta campeão e Colorado vice

O Floresta foi o campeão de fato e de direito, sendo que superou o favoritismo do Colorado com três vitórias: a primeira na fase de classificação por 2 a 0, e outras duas vezes na final. Na primeira partida da decisão, 1 a 0, e na segunda 3 a 0.

Podemos dizer, que foi um “grenal videirense”. O Grêmio Floresta (azul), venceu o Colorado (vermelho).

Giva, o predestinado. Alexandre, o iluminado

Mais uma vez, brilhou a estrela de Giva, que sempre deixou sua marca em jogos decisivos, em Videira. Outro grande destaque foi o goleiro Alexandre, que defendeu um pênalti batido por Rinaldi, quando o jogo estava 2 a 0.

As estrelas da ‘Selecelso’ não conseguiram furar o bloqueio da defesa montada pelo professor Pipoca e não puderam alcançar mais um título. Transilva ficou com a terceira colocação

Em 2004, o Floresta caiu na semifinal para o Colorado

SELEÇÃO DO CAMPEONATO MUNICIPAL FUTEBOL 2005

Alexandre, Rato, Conga, ??, Canhoto, Peretti, Duda, Rinaldi, Mineiro, Giva e Facada

E pra finalizar, por falar de Grêmio Floresta, segue uma formação do ano de 1956, esta literalmente do fundo do baú…

VEJA TAMBÉM
COMENTÁRIOS
Carregando