Recopa: Avaí vence o Madureira, fora de casa e abre vantagem

Avaí venceu em Urubici, por 2 a 1 e agora joga pelo empate para ficar com o título

Mais um capítulo do esporte amador foi escrito no dia 09 de fevereiro de 2020, quando aconteceu a primeira partida da decisão da Recopa Serra Contestado, competição idealizada pela Rádio Vitória e pela Liga Serrana de Futebol (LSF).

O Estádio Natal Zilli, em Urubici, foi palco do primeiro confronto entre Madureira (campeão da Liga Serrana) e Avaí de Rio das Antas (bicampeão da Copa Regional dos Campeões).

Gima (com a bola), teve grande atuação na partida. Deu muito trabalho a defesa adversária.

O Jogo

Pra descer a serra, o motorista que conduziu o ônibus da equipe rioantense veio com o pé no freio. Em campo, o que se viu nos primeiros minutos de partida foi justamente ao contrário: o Avaí com o pé no acelerador, apresentando mais volume de jogo, muita posse de bola, movimentação e com as melhores chances.

Na reta final do primeiro tempo, a grande oportunidade do Madureira, um arremate de Djow Djow, que obrigou o goleiro Jaison a praticar uma espetacular defesa.

Djow Djow, mostrou muita movimentação no ataque do Madureira

No lance, seguinte, aos 44 minutos, o gol do Avaí. Um contra ataque puxado por Paraguai, em que encontrou um lindo passe para o lateral direito Jaiso, que tocou para o atacante Fumaça, de frente pro goleiro Léo (de grande atuação na partida), abrir a contagem: 1 a 0.

Se empatar em casa, o Avaí será campeão.

No segundo tempo, a conversa do intervalo e a substituição do técnico Betinho Morgan fizeram com que a equipe da casa, crescesse de produção. Em uma bela cobrança de falta de Elton Serrano do Madureira, o goleiro Jaison teve que praticar mais uma linda e importante defesa.

Jaison, goleiro do Avaí, fez duas grandes defesas na partida.

Minutos depois, aos 15, bola no braço do lateral Mikimba e pênalti corretamente marcado pelo árbitro. Na marca da cal, Elton deixou tudo igual: bola para um lado, goleiro para o outro, e tudo igual no placar: 1 a 1.

Madureira Esporte Clube de Urubici

O gol da vitória rioantense, saiu dos pés de Roni aos 25 minutos da etapa complementar, quando cruzou para Paraguai, livre, leve e solto, dentro da pequena área, completar para o fundos das malhas: 2 a 1 Avaí e muita comemoração.

Atletas do Avaí, comemoram o gol de Paraguai, aos 25 minutos do segundo tempo

Ficha Técnica

Madureira: Léo, Andrio, Rodrigão, Roger, Nilmar, Nardo, Kláuber, Elton, Adriano Dutra, Leonardo e Djow Djow. Técnico: Betinho. Suplentes: Alecrim, Hélder, Yago, Douglas, Lucas, Cláudio, Helinton e Claudiomir.

Avaí: Jaison, Jaiso, Emerson, Lovatel, Seco, Mikimba, Vini, Roni, Gima, Fumaça e Paraguai. Técnico: Pipoca. Suplentes: Israel, Rodrigo, Gustavo, Adriano Vian, Avatar, Alisson, Jean Betto e Júnior.

Arbitragem: Claudemir Antônio Sasse, Alceu Schumacker, Roger Muniz, Nazaré Ataíde (Lages)

Arbitragem de Lages, conduziu a partida de forma bastante segura. 3 cartões para o Madureira, 5 para o Avaí

Cartões Amarelos: Rodrigão, Kláuber e Douglas (Madureira), Emerson, Seco, Gima, Gustavo e Adriano Vian (Avaí)

O CARA DO JOGO

Fumaça, o Cara do Jogo, eleito pela equipe de esportes da Rádio Vitória e La Pelota

Jogo de volta, no próximo domingo, em Rio das Antas

Com a vitória por 2 a 1, o Avaí joga pelo empate no próximo domingo (16), às 16 horas, em Rio das Antas para ficar com o título da Recopa. O Madureira EC, precisa da vitória no tempo normal (por qualquer placar), para carregar a decisão para os pênaltis.

Dois anos de muitos títulos

O Avaí de Rio das Antas tem conquistado praticamente tudo, especialmente nos últimos dois anos. Neste curto tempo foram sete competições disputadas e seis títulos, a Recopa Serra Contestado é sua oitava competição no período e está muito perto de ser mais um título na galeria do glorioso.

Nem mesmo a distância, impediu o torcedor do Avaí de apoiar sua equipe
Texto e fotos: Gillian Olivo – Rádio Vitória e La Pelota ca 
VEJA TAMBÉM
COMENTÁRIOS
Carregando