Julgada confusão na final do Municipal de Futebol de Videira

A comissão disciplinar julgou os fatos ocorridos na final do Campeonato Municipal de Futebol de Campo de Videira edição 2017 – Taça Odair Oséas Zeeman, e puniu os atletas mencionados no relatório da súmula do jogo, elaborado pelo árbitro da mesma.

Atletas do Transilva protestaram contra a arbitragem, em virtude de um pênalti não marcado ainda no primeiro tempo.

A partida realizada no dia 10 de dezembro, terminou com vitória do Juventude do Rio Tigre por 1 a 0, que ficou com a taça da competição, e não teve nenhum atleta mencionado e julgado.

No relatório foram apontados os atletas da equipe do Transilva, André Luis da Rosa, Marcelo Varela e Igor Machado de Souza, que foram penalizados com 600 dias afastados de competições organizadas pela Fundação Municipal de Esportes de Videira. Sendo assim, estarão aptos para disputarem competições no âmbito municipal a partir de agosto de 2019.

Relembre como foi a partida final que culminou com o título do Juventude!

Nino, anotou o gol do título aos 48 minutos do segundo tempo.
Trio de Arbitragem da grande final e capitães das equipes

Fotos: Gillian Olivo – Blog La Pelota

VEJA TAMBÉM
COMENTÁRIOS
Carregando